Távora - Varosa

 Uma das zonas mais montanhosas de Portugal cerca do sopé da Serra da Nave, na zona da Beira Alta, está a região de Távora-Varosa. Delimitada a Norte pela região do Douro e a Sul pela do Dão, esta pequena DOC tem um papel muito importante nos vinhos espumantes do País.

Ambos os rios Távora e Varosa são afluentes do Douro pela margem esquerda. Estes rios atravessam vales a altitudes altas e abrem caminho para os viticultores plantarem as suas vinhas entre acima dos 500 e até aos 900 metros de altitude. Estes vales são de solos de transição, dos granitos do Dão aos xistosos do Douro.

A altitude a que as vinhas estão, os solos moderadamente ricos e maioritariamente profundos transmitem às uvas uma maturação equilibrada, ajudam na retenção de acidez ao mesmo tempo que os níveis de açucares não “trepam” para níveis habituais num dos países mais quentes da Europa, como Portugal.